Post Page Advertisement [Top]


“Como não cair em depressão?” Está pergunta foi enviada à página do Rujam Project nas redes sociais e se tornou o tema da pauta de hoje. Ela paira sobre nossas mentes, quase todos os dias.
Este mau tem sido tão forte entre nós: mães, filhas, esposas, amigas...

Mas a realidade verdadeira, por mais que muitas “novas têses” tenham surgido, é que a Graça é salvadora! Ela não salva apenas nossa alma (no ato de se entregar a Jesus) como também o corpo. Milhões de pessoas portadoras da depressão não foram ao suicídio por terem a Graça. Ou seja, vocês também podem te-la, inclusive nos momentos mais sombrios de suas vidas.
Eles irão embora? Quase sempre eles ficam, por um bom tempo minhas queridas. Desculpe, não posso mentir!
Mas o que acontece? Deus vem. E você que assim sofre? Permanece... Permanece viva, permanece firme, permanece acreditando, permanece trabalhando, estudando, vivendo, enfim... Permanece, até um dia eles não mais te assombrarem.
Se somos cristãs, devemos clamar pela Graça todos os dias. (2 Coríntios 12:9)

Um ponto importante é que a Bíblia nos ensina a fugir de toda aparência do mal. (1 Tessalonicenses 5:22)
Você está sentido o cheiro ruim da depressão? Fuja! Evite! Se ocupe! 

Fuja para a oração constante: Abrindo coração, contando cada detalhe que lhe aflige a Cristo, confiando que Ele cuida de ti. A oração é uma verdadeira terapia, onde o divã é o colo de seu Deus!

Evite tudo que lhe ajuda a desistir:
Deixe a sofrência nas músicas. Se talvez algum tema de seriado ou programa não lhe ajuda a se motivar, dê um tempo de assisti-los. Não escute muito quem te desanima. Não olhe no momento para o que lhe traz más lembranças... Tire o que te faz mal todo dia sem você perceber!

Se ocupe com o que é bom:
Pense em algo que Deus lhe deu e encontre forças para seguir por causa disso também. Talvez sejam filhos, um cônjuge, amigos, ministério, um simples jardim ou um emprego. Se ocupe com eles. Se doe, faça o melhor mesmo sem estar muito animada.
Procure manter contato com quem lhe faz bem. Adote um animal abandonado. Estude a Bíblia, faça um curso de teologia, de culinária, de caligrafia... Alguma coisa! A internet mesmo oferece muito conteúdo bom. Mantenha-se cercada de luz, assim as trevas permanecem longe!

Por último, não é feio procurar um médico caso os sintomas da depressão sejam clínicos (Formigacão na nuca, dores no peito que mais parecem um infarto, crise de ansiedade...) Os médicos Também são uma forma de Deus cuidar de nós, e consultar um, por causa da depressão é o mesmo que consultar um por causa de um simples machucado.
Precisamos entender que tomar remédio só é errado, quando confiamos e dependemos mais deles do que de Deus. 
Pois Ele cuida dos seus e através do tempo constrói coisas boas, sentimentos sólidos e convicções firmes. Basta aguardar com fé.

E acima de tudo. (Mesmo que você já esteja há muito tempo passando por este mal e não apenas agora): Não se afaste de Jesus. Não faz lógica fugir da cura.
Se aproxime o máximo que puder, se alimentando, tomando banho, orando, lendo as Escrituras, conversando de vez em quando... Não porque deseja exatamente fazer essas coisas, mas porque entende que precisa. Assim, aos poucos seu auto controle, irá sendo colocado por Cristo a cada dia sobre suas emoções, porque você se posicionou, mesmo sem muitas forças ou vontades.
Estes passos são pequenas (grandes) decisões e aliadas ao pedido de ajuda a Cristo todo santo dia, é possível sim não conhecer a depressão (ou vence-la)!

Só não pode deixar que Cristo seja o último recurso. Deve-se estar com Ele desde o início. Ele já disse uma vez: “E invoca-me no dia da angústia e eu te livrarei, e tu me glorificarás.” (Salmos 50:15)

Creia com todo seu coração!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sua opinião é extremamente importante, Comente!