Post Page Advertisement [Top]


O atual cenário político brasileiro está caótico. Desordem, agressividade, falta de respeito com a opinião alheia, desonestidade, discursos de ódio desenfreados, etc. Como cristãos, nós devemos ser a voz da diferença, a voz que se ergue para falar a respeito da verdade, porque reconhece o poder que esta verdade tem numa sociedade.

Na época de Cristo a situação não estava muito diferente, havia um sistema corrupto instalado, mas acreditava-se que o messias viria para mudar esse sistema através da militância, da demonstração de força, poder e autoridade. Muitos chegaram até Ele, inclusive, para propor motins e rebeliões, mas o mesmo não aceitou. Indo contra tudo e contra todos, Ele se levantou com uma voz mansa que falava a verdade, e a verdade era que o mal não seria vencido com o mal, mas que Ele retribuiria o mal com o bem. Muitos de seus seguidores não conseguiam crer nessa verdade. Eles queriam justiça, ou não, na verdade eles queriam vingança, e esse era o prato que o Cristo, de forma alguma, poderia lhes oferecer.

Jesus sempre esteve numa posição centralizada, nunca esteve de um lado em detrimento de prejudicar outro. E há claras evidencias disso, cito duas: Quando questionado sobre os impostos dados a César (lc. 20:22), o mesmo respondeu “De quem é a cara na moeda?”, o povo disse que era de Cesar, portanto, Cristo enfatizou: “Então deem a Cesar o que é de Cesar e a Deus o que é de Deus”. Ademais, certa vez foi trazido a ele uma mulher pega em ato de adultério e apresentado uma indagação a respeito das leis de moisés (jo. 8) que declaravam pena de morte a ela, Jesus novamente se colocou em uma posição diferente do que era de costume e disse: “aquele que não tiver pecado que atire a primeira pedra”, naquele momento todos tiveram que largar suas acusações e aquela mulher foi reinserida na sociedade e reaprendeu com o próprio Cristo a não voltar a cometer os mesmo erros.

A verdade é que Jesus nunca foi de direita, e nunca foi de esquerda. A questão é que Jesus é a VIDA, o CAMINHO e a VERDADE. Ele não cabe em uma ideologia, Ele não se amolda aos padrões humanos de justiça e seus sensos de valores. Mas eles soube conversar com a direita e com a esquerda, Ele se propôs a ouvir as minorias e a se relacionar com o conservadorismo. Ele não apoiou um lado em detrimento da destruição do outro, Ele soube dialogar, Ele soube se posicionar, Ele soube liderar a todos. Mas o rejeitaram, porque Ele não defendia um lado, mas defendia a humanidade, e a realidade é que o pensamento egoísta da sociedade, não quer alguém que dialogue com todas as partes, mas quer alguém que beneficie só a parte que a representa, independentemente se outras serão prejudicadas ou não. Portanto, o maior problema desse ano de eleições é que “devido o aumento da maldade o amor de muitos tem se esfriado” (mt. 24:12).
Nós do Rujam Project, todavia, queremos nos levantar para lembrar do amor, que é e sempre será o elo mais forte que nos une (cl. 3:14). Rugimos essa verdade para combater, a desigualdade, a violência, a injustiça, o ódio, a vingança, o egoismo, entre outras coisas frutos da maldade. Defendemos os frutos do amor, que é benignidade, vida, justiça, equidade, unidade, etc. Desejamos a integração de todo indivíduo no coletivo, sem acepção de pessoas, defendemos o entendimento de que o todo é constituído pelas partes, sendo nenhuma delas, superior uma à outra. Evidenciamos uma sociedade fundamentada em amor e não em diferenças.

É por acreditar nessas bases do amor que esse ano nós decidimos apoiar uma pessoa que dialoga tanto com a direita como com a esquerda, que se compromete em ouvir a todos, sem exceção ou acepção, que nos representa-nos biblicamente, alguém que não defende a esquerda e nem a direita, mas defende um caminho para frente. Alguém que sabe usar as ferramentas da democracia para construir uma sociedade igualitária e justa. Apoiamos uma pessoa que não é perfeita e que nem é Jesus, mas alguém que olhamos e vemos marcas da cruz, vemos uma história e uma trajetória que nos inspira e que representa o evangelho em que nós acreditamos. Declaramos nosso apoio a candidata Marina Silva, tento em vista, que iremos cobrar toda confiança que estamos hoje depositando nela. Sabendo também, que ela poderá falhar, mas o falhar é humano, e que tudo isso que dissemos pode ser uma utopia, um uma ilusão, algo difícil de ser concretizado, um SONHO, mas acreditamos que o sonho é apenas aquilo que AINDA não foi realizado. O que realmente importa para nós é que O AMOR SEMPRE VENCE!

Obrigado galera!
Equipe Rujam Project
Texto por: Ruan Majesa


Obs: Contamos com o respeito de vocês diante do nosso posicionamento, da mesma forma que respeitamos quem diverge. Essa é nossa carta aberta para vocês não para convence-los de algo, mas como consideramos vocês parte da nossa família estamos dividindo um pensamento com vocês.

2 comentários:

  1. Cristao??? Que tipo de amor se apoia o aborto???????
    Me responda baseado na palavra do Senhor que está escrito que se a mulher quiser ela pode abortar uma criança,se achar isso na bíblia eu mudo minha opinião e voto nela

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marina não apoia o aborto e há dezenas de registros nas redes sociais onde se pode comprovar isso. Mais recentemente ela foi clara no Debate da Band de que defende a legislação atual no que se refere ao aborto (ou seja, que continue sendo ilegal). Disse mais: afirmou com muita coragem que o aborto não deve ser adotado como método contraceptivo.
      É triste ver os próprios cristãos disseminando mentiras em favor de uma política do ódio. Triste!

      Excluir

Sua opinião é extremamente importante, Comente!